Parlamentar defende autonomia universitária: “A decisão do que fazer com a verba é exclusiva da Uneb”"/>

Parlamentar defende autonomia universitária: “A decisão do que fazer com a verba é exclusiva da Uneb”

Parlamentar defende autonomia universitária: “A decisão do que fazer com a verba é exclusiva da Uneb”

A deputada estadual Maria del Carmen se solidariza com a comunidade universitária da Uneb (Universidade Estadual da Bahia) cujas acusações levianas colocam em risco a autonomia universitária, garantida pelo Art. 207, da Constituição Federal, que diz: “As universidades gozam de autonomia didático-científica, administrativa e de gestão financeira e patrimonial, e obedecerão ao princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão”.

Nos últimos dias, a universidade sofreu ataques, veiculados na imprensa baiana, a respeito da sua participação na 13ª edição do Fórum Social Mundial (FSM). Um evento que reúne pessoas de diversos países do mundo com o objetivo de elaborar alternativas para uma transformação social global. De acordo com a deputada, a decisão do que fazer com a verba, proveniente de suplementação orçamentária do Governo do Estado, é decisão exclusiva da Uneb.  

“No contexto político atual, onde há um cerceamento da livre circulação de ideias – onde somos silenciados ‘na bala’ –, sobretudo nos espaços de ensino, a quebra da autonomia universitária é muito perigosa e traz consequências danosas para as universidades públicas de todo o país. Nenhum deputado ou vereador pode dizer o que vai ser ensinado ou como a universidade vai aplicar seus recursos. Essas decisões cabem à comunidade acadêmica”, defende a parlamentar.

Postado em 16/03/2018 , usando as tags: Maria del Carmen, UNEB, autonomia universitária, FSM